Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Início
Início do conteúdo da página
WEB - SEMINÁRIO

Abordou a Aprendizagem Significativa Crítica no Ensino de Física Nuclear

Publicado: Quarta, 18 de Novembro de 2020, 14h28 | Última atualização em Quarta, 18 de Novembro de 2020, 14h55

Na tarde de 13 de novembro de 2020, sexta-feira, a partir das 15h, aconteceu, de modo virtual, um seminário do Grupo de Pesquisa em Física do campus de Caraguatatuba do Instituto Federal de São Paulo (IFSP), que teve o título “Aprendizagem Significativa Crítica: Uma abordagem para o Ensino de Tópicos de Física Nuclear” e foi ministrado por Rafael Brock Domingos, estudante do 7º semestre do curso de Licenciatura em Física do IFSP-Caraguatatuba. Devido à pandemia de COVID-19, este seminário ocorreu por meio de videoconferência. O Grupo de Pesquisa em Física do IFSP-Caraguatatuba está cadastrado na base de dados de grupos de pesquisa do CNPq e é coordenado pelo Prof. Dr. Alex Lino que atualmente também é o coordenador do curso de Licenciatura em Física do IFSP-Caraguatatuba.

Foto: Rafael Brock Domingos, durante a apresentação de seu seminárioFoto: Rafael Brock Domingos, durante a apresentação de seu seminário

Rafael Brock Domingos é orientado do Prof. Dr. Ricardo Roberto Plaza Teixeira em um trabalho de pesquisa de iniciação científica com bolsa PIBIFSP (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica e Tecnológica do IFSP), intitulado “Ensino de tópicos de Física Nuclear no Ensino Médio sob a perspectiva da teoria da Aprendizagem Significativa”.

Foto: Slide inicial da apresentação feita por Rafael BrockFoto: Slide inicial da apresentação feita por Rafael Brock

No começo do evento, o professor Ricardo Plaza – que coordenou este seminário – fez uma apresentação inicial sobre o tema do seminário e sobre o trabalho de pesquisa realizado pelo estudante Rafael Brock ao longo do ano de 2020. Diversos estudantes da licenciatura em física e de outros cursos do IFSP-Caraguatatuba, bem como interessados em geral participaram deste seminário, assistindo-o pela transmissão simultânea que foi feita pelo canal “Debate Consciência” do YouTube que está disponível para ser acessado clicando aqui.

Durante a sua apresentação Rafael Brock descreveu parte da pesquisa que realizou ao longo do ano de 2020, sobretudo no que diz respeito à revisão e análise bibliográfica acerca do tema da teoria da aprendizagem significativa desenvolvida por David Ausubel (1918-2008), com uma ênfase para os trabalhos do professor Marco Antonio Moreira, docente do Instituto de Física da UFRGS, e nas aplicações para a área de ensino de física. Rafael destacou dois importantes processos que surgem durante a aprendizagem significativa: a “diferenciação progressiva” e a “reconciliação integrativa”.

Foto: Slide apresentado sobre uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs) no Ensino de FísicaFoto: Slide apresentado sobre uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs) no Ensino de Física

Além disso em seu seminário, Rafael Brock conferiu destaque também para algumas estratégias e ferramentas que podem colaborar para o ensino de temas de Física Moderna e Contemporânea, em particular de Física Nuclear. Em particular ele citou o exemplo do uso de jogos no ensino de física de partículas, como proposto no artigo “Jogo de Física de partículas: Descobrindo o bóson de Higgs” publicado pela Revista Brasileira de Ensino de Física em 2019 e disponível para leitura clicando aqui. Ele também citou o uso de simulações no ensino de tópicos de Física Moderna e Contemporânea, como a simulação “Monte um átomo” do site PhET da Universidade do Colorado que está disponível em português para ser acessada gratuitamente no site clicando aqui e a simulação “A escala do universo” que está disponível clicando aqui.

Esta atividade para ocorrer contou com o apoio fundamental de Kaue Marques Barbosa que é estudante do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do IFSP-Caraguatatuba e bolsista do projeto de extensão “Atividades audiovisuais de divulgação científica e cultural mediadas pela internet” do IFSP-Caraguatatuba que é coordenado pelo professor Ricardo Plaza. Kaue ajudou decisivamente no uso e na gestão das ferramentas computacionais que permitiram a realização desta webconferência e a sua transmissão simultânea pelo YouTube.

Foto: Kaue Marques BarbosaFoto: Kaue Marques Barbosa

Docentes e estudantes da Licenciatura em Física estão engajados no processo de estruturação do Grupo de Pesquisa em Física do IFSP-Caraguatatuba com o intuito de refletir sobre novos conhecimentos em diferentes campos da física, do ensino de física e em áreas afins, tais como matemática, astronomia, história da ciência e educação. Deste modo, o Grupo de Pesquisa em Física realiza periodicamente diferentes seminários científicos e oficinas educacionais que podem ser frequentados não somente por licenciandos em Física, mas também por estudantes de outros cursos do IFSP-Caraguatatuba e demais interessados, em geral. O Grupo de Pesquisa em Física agradece profundamente ao estudante Rafael Brock pelo excelente seminário que foi ministrado.

Fonte: Prof. Dr. Ricardo Roberto Plaza Teixeira

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página