Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Início
Início do conteúdo da página
DIVULGAÇÃO DA CIÊNCIA

Alunos apresentam trabalhos no 1º Seminário de Divulgação Científica do IFSP

Publicado: Segunda, 31 de Mai de 2021, 16h21 | Última atualização em Segunda, 31 de Mai de 2021, 16h21

Na manhã do dia 26 de maio de 2021, entre 9h e 12h, Vinicius Carvalho Rosa e Lucas Ramos Teixeira de Souza, estudantes universitários do campus de Caraguatatuba do Instituto Federal de São Paulo (IFSP), apresentaram no 1º Seminário de Divulgação Científica do IFSP, os resultados de seus trabalhos de pesquisa, desenvolvidos em coautoria com seus orientadores, respectivamente os professores Ricardo Roberto Plaza Teixeira e Alex Lino. Estas duas apresentações ocorreram no âmbito do Grupo de Trabalho 3 (GT 3) do evento que teve como tema “Divulgação Científica e Educação”. Ao todo, nesta manhã, no âmbito do GT3 foram apresentadas as comunicações orais de sete trabalhos acadêmicos, abordando diferentes aspectos sobre as possibilidades educacionais da Divulgação Científica. O vídeo gravado com estas apresentações (de 3 horas e 19 minutos de duração) pode ser assistido no link <https://www.youtube.com/watch?v=aXx81EoskT8>.

Participantes do Grupo de Trabalho 3 sobre Divulgação Científica e EducaçãoParticipantes do Grupo de Trabalho 3 sobre Divulgação Científica e Educação

Vinicius Carvalho Rosa apresentou o trabalho intitulado “Atividades de Divulgação Científica sobre a primeira imagem registrada de um buraco negro”, escrito em coautoria com o professor Ricardo Roberto Plaza Teixeira. Vinicius atualmente é estudante do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do IFSP-Caraguatatuba e desenvolve a pesquisa de iniciação científica com bolsa PIBIFSP intitulada “Astrofísica e Computação: Interfaces e possibilidades para a Educação Científica” orientada pelo professor Ricardo Plaza.

Vinicius Rosa e professor Ricardo PlazaVinicius Rosa e professor Ricardo Plaza

Em sua apresentação, Vinicius destacou a importância que teve a publicação e difusão pela mídia, da primeira imagem de um buraco negro no dia 10 de abril de 2019. Dentre outros temas foram abordados os aspectos físicos e históricos do conceito de buraco negro, as interfaces existentes entre computação e astrofísica e os desafios que esta temática traz para a área da educação científica.

Apresentação de Vinicius RosaApresentação de Vinicius Rosa

Por sua vez, Lucas Ramos Teixeira de Souza apresentou o trabalho intitulado “RPG Digital como ferramenta no Ensino de Física: concepções históricas sobre a natureza da luz”, escrito em coautoria com o professor Alex Lino. Lucas atualmente é estudante do curso de Licenciatura em Física do IFSP-Caraguatatuba e é bolsista do PIBID (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência) da Licenciatura em Física do IFSP-Caraguatatuba, que é coordenado pelo professor Alex Lino. Os 16 estudantes bolsistas (juntamente com os 4 alunos voluntários) do PIBID da Licenciatura em Física atuam em duas escolas públicas situadas no município de Caraguatatuba, com o objetivo de colaborar para a melhoria da qualidade de ensino: a Escola Estadual Colônia dos Pescadores e a Escola Estadual Professora Maria Ester das Neves Dutra Damasio.

Lucas Ramos e professor Alex LinoLucas Ramos e professor Alex Lino

Em sua apresentação Lucas refletiu sobre a importância do lúdico na educação e, mais especificamente, lembrou que muitos jovens dedicam um tempo considerável de suas vidas a games, algo que pode ser usado como uma ferramenta didática na área de ensino. Um dos aspectos da sua apresentação envolveu a contribuição que a História e Filosofia da Ciência pode fornecer para a desmistificação de concepções falsas da natureza da ciência, de seu desenvolvimento e do trabalho científico.

Apresentação de Lucas RamosApresentação de Lucas Ramos

Durante este GT3 foram apresentados outros cinco trabalhos, além dos trabalhos de Vinicius e de Lucas: “Aplicativos e Divulgação Científica para crianças: estudo de caso sobre o Minas faz ciência infantil” de autoria de Tuany Alves e Vanessa Fagundes (da UFMG); “Divulgação Científica na sala de aula: plataforma de disponibilização de materiais para professores” de autoria de Júlia Quintaneiro Mota, Gabriela Maia Fernandes e Ana Luiza Netto Bertozzi Dornas (da UFMG); “A importância dos experimentos do PIBID/banca da ciência na Divulgação Científica dentro das escolas públicas” de autoria de Luana de Lima Maciel, Sandy Samar Santos Silva e Rafael Simão da Silva (da UNIFESP-Diadema); “A Divulgação dos trabalhos do PIBID como ferramenta no processo de Alfabetização Científica” de autoria de Rafael Simão da Silva e André Perticarrari (da UNIFESP-Diadema); “Um projeto de Iniciação Científica: as potencialidades e desafios da coleção ‘Gênios da Ciência’” de autoria de Marlene Maliko Maeda e Enio Freire de Paula (do IFSP-Presidente Epitácio).

As apresentações do GT3 foram coordenadas pela professora Maria Raquel Manhani (IFSP-Suzano) e pela professora Rosana Ferrareto Lourenço Rodrigues (IFSP-São João da Boa Vista), com a colaboração de uma equipe de apoio com outros integrantes, como o professor Altair Aparecido de Oliveira Filho (IFSP-São Miguel), a professora Suzy Sayuri Sassamoto Kurokawa (IFSP-São Miguel) e o professor Enio Freire de Paula (IFSP- Presidente Epitácio).

Cartaz com informações sobre o 1o Seminário de Divulgação Científica do IFSPCartaz com informações sobre o 1o Seminário de Divulgação Científica do IFSP

Cinco outros trabalhos escritos por alunos do IFSP-Caraguatatuba em coautoria com o professor Ricardo Plaza, também foram selecionados para publicação no caderno de resumos do evento, mas sem ocorrer uma apresentação ao vivo: "Negacionismo científico e disseminação de notícias falsas em tempos de pandemia" (da aluna Jacqueline Xavier Silva Enéas), "Ensino e divulgação científica sobre astrofísica estelar por meio de recursos computacionais" (da aluna Maria Carolina Carvalho Rodrigues), "Filosofia da mente, computação e educação científica" (da aluna Larissy Santos da Silva), "O cuidado com o reducionismo: a história da ciência como ferramenta no ensino de física" (do aluno Rodrigo de Siqueira Bicudo) e "Divulgação científica com enfoque no estudo de astrofísica sobre galáxias e buracos negros" (do aluno Higor Felipe Gonçalves de Arruda).

Ao todo, durante o 1º Seminário de Divulgação Científica do IFSP, ocorreram seis Grupos de Trabalhos (cuja programação completa pode ser obtida no link <https://docs.google.com/spreadsheets/d/1UPrrVwJeqJoyTcD_HD-LCy8-N58BxIid7hSKJ2xgODw/edit#gid=1739828345>) e três mesas-redondas. Mais informações sobre o 1º Seminário de Divulgação Científica do IFSP, suas mesas-redondas e apresentações orais de trabalhos podem ser obtidas no site do evento em <https://sites.google.com/view/seminario-dc-ifsp/p%C3%A1gina-inicial>; o seu tema central foi “Conhecer para engajar: Linguagens e Práticas da Divulgação Científica em momentos de crise”. Seu objetivo foi promover discussões relacionadas à produção e divulgação de conhecimentos nas áreas de ciência, tecnologia e cultura, bem como construir pontes sólidas entre o IFSP e a comunidade externa. Devido às condições sanitárias e à necessidade de isolamento social, este evento foi realizado inteiramente à distância.

Os organizadores do 1º Seminário de Divulgação Científica do IFSP estão de parabéns pela qualidade das atividades que ocorreram. Além disso, é importante salientar as excelentes apresentações que os alunos Vinicius Rosa e Lucas Ramos realizaram. A participação de alunos em atividades acadêmicas, como a apresentação de trabalhos de pesquisa em congressos, é fundamental para o seu crescimento intelectual. Atividades de pesquisa, ensino e extensão como essa que ocorrem no âmbito do IFSP são incentivadas pela instituição e abertas para os interessados nos temas abordados.

Fonte: Prof. Dr. Ricardo Roberto Plaza Teixeira

registrado em:
Fim do conteúdo da página