Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Início
Início do conteúdo da página
AÇÃO DE EXTENSÃO

Ação de Extensão Debateu Acerca de Engenharia Social e Phishing

Publicado: Quarta, 04 de Novembro de 2020, 15h48 | Última atualização em Quarta, 04 de Novembro de 2020, 15h51

Em 30 de outubro de 2020, sexta-feira, a partir das 19h00, ocorreu uma ação de extensão, de forma virtual, que teve como tema central a Engenharia Social e as técnicas usadas na internet por indivíduos com o objetivo de conseguir acesso a dados pessoais e informações confidenciais por meio de técnicas de persuasão, como é o caso de “phishing”. Esta ação foi organizada pela equipe de bolsistas do projeto de extensão “Atividades audiovisuais de divulgação científica e cultural mediadas pela internet” que ocorre no âmbito do campus de Caraguatatuba do Instituto Federal de São Paulo (IFSP), sob a coordenação do professor Ricardo Roberto Plaza Teixeira.

Foto: Professores e estudantes que debateram sobre Engenharia SocialFoto: Professores e estudantes que debateram sobre Engenharia Social

Esta atividade contou com a participação do professor Nelson Alves Pinto (que é docente da área de informática do IFSP-Caraguatatuba) e de Francisco Antonio da Silva Junior (que é estudante do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do IFSP-Caraguatatuba). A estes dois convidados que aceitaram gentilmente o convite para participar desta ação, todos os membros da equipe que organizaram esta ação são muito gratos.

Foto: Professor Nelson Alves PintoFoto: Professor Nelson Alves Pinto

Para a organização desta ação, ocorreu a participação ativa de bolsistas de extensão orientados pelo professor Ricardo Plaza, em especial dos estudantes Kaue Marques Barbosa, Danilo Henrique Oliveira Souza, Vinicius Carvalho Rosa, Larissy Santos da Silva e Lais Rodrigues Ramos que colaboraram decisivamente tanto com o planejamento prévio deste evento, quanto para a sua execução no dia em que ele ocorreu.

Foto: Francisco Antonio da Silva JuniorFoto: Francisco Antonio da Silva Junior

A coordenação geral da realização deste evento coube ao bolsista Kaue Marques Barbosa que foi quem planejou-o e entrou em contato com os convidados. Além dos bolsistas de extensão citados, outros bolsistas de projetos de pesquisa de iniciação científica, orientados pelo professor Ricardo Plaza, também colaboraram com a realização desta atividade.

Foto: Extensionista Kaue Marques BarbosaFoto: Extensionista Kaue Marques Barbosa

A atividade teve início com a apresentação dos bolsistas de extensão da equipe e do coordenador do projeto de extensão responsável pela ação (professor Ricardo Plaza), bem como dos convidados para o debate. Em seguida, foi apresentado o vídeo intitulado “Não dê munição pros seus inimigos! (PARE COM ISSO)” com duração de cerca de 5 minutos, produção de Vitor Santos e que está disponível clicando aqui.

Na sequência foi realizada uma dinâmica proposta por Kaue Marques na qual o professor Ricardo Plaza tentou responder oito questões de um teste que procura avaliar se a pessoa que está respondendo as questões consegue perceber quando é alvo de “phishing”, ou seja, de uma tentativa de obter (“fisgar” ou “pescar”) dados confidenciais de alguém por meio de “disfarces” em comunicações eletrônicas e e-mails falsificados. Este questionário (“quiz”) está disponível para ser respondido por qualquer interessado clicando aqui.

Foto: Imagem do site com um questionário sobre “phishing”Foto: Imagem do site com um questionário sobre “phishing”

Conforme o professor Ricardo ia respondendo as questões e tentando adivinhar se cada caso específico proposto se tratava de uma tentativa de “phishing” ou não, o professor Nelson e o estudante Francisco iam comentando acerca das “armadilhas” existentes nos exemplos apresentados pelas questões. A propósito, uma das armadilhas que foi lembrada neste evento, por exemplo, é escrever em um domínio a palavra “google” (que tem a letra consoante L minúscula entre as letras G e E minúsculas) como sendo “googIe” (que tem a letra vogal I maiúscula entre as letras G e E minúsculas), o que para quem lê fica quase imperceptível, pois as letras L minúsculo e I maiúsculo são praticamente indistinguíveis em boa parte dos textos digitados.

Durante o debate foi lembrado acerca do site “Have I been pwned?” (em português, a tradução seria, em termos populares: “Fui sacaneado?”) que permite ao usuário conferir se o seu e-mail foi comprometido e se as suas informações pessoais foram violadas e vazaram; este site pode ser acessado clicando aqui.

Foto: Imagem do site “Have I been pwned?”Foto: Imagem do site “Have I been pwned?”

Durante a atividade, os professores Ricardo e Nelson lembraram que quando um site é de graça, é “você” (o usuário do site), junto com seus dados, o “produto” que está sendo vendido (para anunciantes, por exemplo): é o caso, exemplificando, de buscadores da internet, servidores de e-mail, sites de armazenamento online de arquivos, comunicadores instantâneos, redes sociais, etc. Por sua vez, o estudante Francisco observou que muitas pessoas caem em truques e armadilhas na internet geralmente por pelo menos um de dois motivos: ou por ingenuidade ou por uma vontade e interesse em obter uma recompensa material de modo rápido, algo que, no limite está associado à ideia de ganância.

Antes da atividade terminar, foi apresentado um outro vídeo curto intitulado “Suas SENHAS estão em VAZAMENTOS pela internet? Descubra! - Dica do Pato #01”, com duração de cerca de 9 minutos, produção de Gabriel Pato e que pode ser acessado clicando aqui.

No final do evento, o professor Nelson ressaltou que nos dias de hoje é muito importante todos nós adotarmos o princípio da dúvida metódica que consiste em analisar sempre as informações que nos atingem com um espírito crítico: assim, na sociedade contemporânea, é importante que todos sejam “duvidantes” no sentido de serem cidadãos capazes de analisar e inspecionar todas as crenças e argumentos que são veiculados e disseminados. O estudante Francisco, ao final, também destacou a importância de debater acerca destas questões e divulgou um canal que ele criou no qual são compartilhados conhecimentos acerca deste tema; este canal pode ser acessado clicando aqui.

Foto: Convidados e membros da equipe do projeto de extensão ao final da atividadeFoto: Convidados e membros da equipe do projeto de extensão ao final da atividade

 Esta foi uma ação realizada pelo projeto de extensão “Atividades audiovisuais de divulgação científica e cultural mediadas pela internet”. Este projeto foi aprovado no âmbito do edital 196 de 11 de junho de 2020 da Pró-Reitoria de Extensão do Instituto Federal de São Paulo – IFSP, referente ao “Programa Institucional de Apoio a Atividades de Extensão do IFSP – Em tempos de Distanciamento Social”, definido para o período da pandemia de COVID-19. Os recursos disponibilizados por este edital 196 permitem o financiamento de bolsas a seis alunos extensionistas selecionados para a execução das atividades previstas para este projeto, como foi o caso desta atividade. O objetivo deste projeto de extensão é colaborar para disseminar o conhecimento, a cultura, a ciência e o debate acerca de questões importantes nas vidas dos cidadãos, por meio da internet, durante a pandemia de COVID-19.

Os bolsistas extensionistas deste projeto agradecem tanto à Pró-Reitoria de Extensão do IFSP pelas bolsas fomentadas pelo edital 196, quanto às pessoas que participaram ativamente e prestigiaram este vídeo-debate, inclusive por meio da realização de perguntas e reflexões pelo chat do YouTube. Sugestões para temas das ações futuras deste projeto são bem-vindas e podem ser feitas para qualquer um dos membros da equipe.

Fonte: Prof. Dr. Ricardo Roberto Plaza Teixeira

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página